Vida Longa




Ainda lembro-me dos sussurros das suas palavras,
Lembro-me daquela canção,
E assim vou-me ao campo de batalhas,
Sentindo em minha  boca,
O gosto salgado das minhas lágrimas.

Já me cansei de levantar minha espada.
Matando dragões,
Orcs,
Exterminador de fadas.

Já servi a grandes reinos
Já beijei a mão de incontáveis rainhas
Já vi a morte levar meus companheiros
E poetas contar suas mortes de forma tão bonita
E trágica

Vida longa a memória,
À rainha das histórias.
Feita de pena e papel
 Abençoada em sangue
Adocicada com mel.

Agora você Pode deitar sua cabeça
So quero um lugar para que você possa rezar.
Que não tenha a poeira
Dos anos, e o cheiro da matança
Que os anjos possam te confortar.

Vida... Vida longa ao futuro.
Ainda penso que isso seja um sonho
Mas que o meu amor te proteja
Eu juro.
Enquanto as estrelas da noite brilhar.
A vida que corre em minhas veias
Ira te levar para um lugar seguro

Longa vida
É  o que grito para escuridão.
 Um desejo tolo no meu coração.

Ainda posso sentir o cheiro da sua deliciosa comida.
Pois sei o valor do teu sorriso
Sonho com você, minha amada.
E isso me faz viver mais um dia
Sonhando com teu beijo
E com o caminho de casa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Coisas Boas

Resenha : Os Crimes do Mosaico - Guilio Leoni