Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2009

Declaração de Amor

Imagem
O amor em tua alma repousa
Tão profundo e sereno.
Quero que você o ouça
Meu amor, tão suave quanto o vento .

Você para mim és um anjo
Que acalenta meu sofrimento .
Nas noites frias eu caminho
Em minha mente só um desejo
De sentir em minha boca
O gosto de teu beijo.

Roubastes meu coração por um acaso
Agora, sem ele não consigo viver.
Isso já se tornou para mim um pesado fardo .
Tão grande é a saudade de ti ver.

Teu sorriso e tua beleza me inspiram
Tiram –me toda a tristeza ,
E me faz escrever coisas tão lindas .
Sei que sou menos do que você merece ,
Mas lutarei ,
Para me tornar o homem que você sempre quis.

Mas , por enquanto , só quero que você ouça
O meu amor que em tua alma repousa
Pois , um dia ele despertará ,
E nesse dia , você perceberá
O quanto quis te amar
E quanto tempo você me fez esperar.



A Força de Amar...

Imagem
Deitado na praia, olho para o mar
O sol poente convida-me a dançar.
Palavras voam pelos meus pensamentos
Em meu coração pulsa somente um desejo,
Amar.

Água salgada vem lamber os meus dedos,
E a areia quente embaraça meus cabelos
Seu olhar prende os meus anseios.
E me faz implorar pelo seu beijo.

De mãos unidas,
Para enfrentar os desafios da vida.
De bochechas rosadas e sorriso largo
Vou me aninhando ao seu lado
Numa curtição infinita.

À noite a lua brilha,
E a estrela nos convida
A brincar pelas ruas,
Agitar a avenida.

E se a inocência acabar,
Se o riso esgotar,
Tente de este dia lembrar,
Lembrar da alegria,
Da mágica,
Da força brilhante
Do que significa amar.

BlogBlogs

Ao encontro da Poesia

Imagem
Para escrever poesia
Não utilize a linguagem concreta
Vá além dos verbos
Atropele os adjetivos
Sinta a essência das palavras
Abra seu olhar para além do horizonte

Não seja fiel à gramática
Não faça rimas só por rimar
a Poesia nos atinge a alma
Tão certeira e delicada
Não a manche com palavras de perjúrio
Veja a luz através do escuro

A velha e boa língua falada
Devi ser incorporada
Nesse processo de criação
Tire-as do seu coração
Não seja vulgar com elas
Não castigue as palavras mais belas

A Poesia deve ser nosso sexto sentido
Não se faz poesia do nada
Mesmo que esse nada fosse tudo e todos
As palavras devem ser desenhadas
Com tal ímpeto
Que poderão ser cantadas Pois a poesia é uma magia não revelada.