Postagens

Mostrando postagens de 2019

Baby, Por favor não chore...

Imagem
Baby, por favor não chore.
Ela não merece seu coração.
Você lhe deu flores
E ela atirou-as ao chão.

É complicado eu sei,
Nem todos os caminhos na vida são retos.
Mas você não pode da sua imagem ficar preso.
A amizade é um dom que qualquer um tem.
O importante é ser feliz e não depender de ninguém.

As vezes um sorriso pode parecer sedutor.
Mais tentador é um beijo...
Ninguém quer provar o gosto das suas lágrimas a não ser você.
As vezes baby, temos que criar coragem,
Estufar o peito e manda todo mundo se f...

O Plagio.

Imagem
Dizem que o Papa é pop.
O pop não poupa ninguém.
Sua piscina está cheia de ratos,
e suas ideias não correspondem ao fatos.
Ideologia, eu quero aquela que me convém.

Dizem que o mundo dá voltas.
E letreiros de néon e salto alto,
estão fora de moda.
O tempo não poupa ninguém.
E você pôs seus medos do lado de fora.

Acordou as 7 horas da manhã do dia errado.
E tomou uísque barato.
Ao lado do namorado.
O mundo não poupa ninguém.
O vento varreu a fumaça dos seus cigarros,
E lambeu a dor dos seus dedos cortados.
O futuro não poupa ninguém.

Vivo sem saber o calibre do perigo.
Se amanhã ainda estarei vivo.
Se meu dia vai sem comprido.
Se o meu fígado aguenta mais um gole de vinho.
Se vou ouvir a sua música tocando naquele disco.
Se você ainda vai ser meu amigo.
Eu não sei da onde vem o tiro.
Se ainda serei poupado pelo destino.

Longo dia.

Imagem
Tem sido um longo dia meu amigo. Guardarei sua espada. O que enfrentamos em anos de luta. Agora não é mais uma ameaça.
Combatemos o bom combate. Rezemos por milagres, e Deus ouviu nossas preces. A vitória veio, mas o que ficou foi só saudade...
Sei que minhas lágrimas não valem o sangue derramado. Nem a cerveja da comemoração. Só sei que você sempre esteve do meu lado. Sempre ensinou-me a dar o perdão.
Tem sido um longo dia meu amigo, e o reino está em paz, Sei que a guerra não foi vencida. Mas espero te encontrar uma vez mais.

Busco.

Imagem
Busco em outras bocas o seu sorriso, Em outros braços, o seu abraço. Vejo em seus olhos a luz para iluminar meu caminho. Talvez seja uma busca por carinho. E se eu por acaso escorregar, Por favor, não me deixe chorar sozinho.
Busco em outros passos um objetivo. Trilhar em outras vidas, um outro caminho. E se por acaso te encontrar, Venha caminhar comigo.
Busco em outros espelhos a tua imagem. Talvez somente um motivo, De arrancar dos seus lábios um lindo sorriso. Busco em outras páginas a nossa história.  Um segredo guardado a sete chaves. Estampado, a muito tempo perdido, na capa de um livro.
Busco em outros versos um pretexto. Uma maneira de ter você de volta. De congelar o seu riso. Mesmo se o tempo não está bem comigo. Ainda busco um jeito de enxugar suas lágrimas. De te levar de volta ao Paraíso.

Poeira na Estante.

Imagem
Ainda mesmo que eu perca o verso.
Ainda mesmo, minha mente insiste em me convencer do inverso.
Mesmo assim, em seus lábios vejo um pretexto.
Mesmo que não haja motivos.
Ainda me falta versos.
E poeira fica juntando na estante de livros.

Quão é grande meu amor pela poesia.
Mesmo que a rima seja escarça.
Ainda olho no espelho,
E invento mais uma desculpa para meu dia que seja bonito.

Tenho saudade do cheiro dos meus livros.
Do sebo das velas, das suas páginas amarelas.
Tenho saudade da minha caligrafia.
Borrões de imagens em forma de poesia.

Busco um motivo para me reinventar.
De sair dessa melancolia.
Ainda encontro um jeito,
Ainda rezo,
Para voltar a ser poeta um dia.