Existência






Há um poeta
Há um menino
Há um verso
Há um livro
É da sua natureza
Murmúrios e arrepios

Há uma folha
Há um papel
Há uma caneta
Que me leva ao céu

Há uma tristeza
Há uma esperança
Num sorriso
No coração de uma criança

Há o medo
Há o desespero
Há a solução
Há o coração

Há a morte
Há a vida
Há uma existência
Nela contida.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Coisas Boas

Porque te amo!