Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2015

Nosso Mundinho.

Imagem
eu sei as vezes não dá certo.
as vezes quebramos a cara
machucamos um ou dois dedos.
mas saímos dando risadas.
ou chorando, depende dos acontecimentos...
eu não sou perfeito,
nem procuro ser o herói destemido.
talvez falta-me mais engajamento
mas todos tem seus medos,
não é?
as vezes me sinto cansado.
as vezes sou tomado pelo desespero.
mas, tudo bem?
pois no seu sorriso eu encontrei
um motivo para trilhar meus caminho.
talvez tenhamos um ou dois filhos.
ou talvez, não chegaremos a ser um casal de velhinhos.
mas o importante e que temamos um ao outro.
e tudo mais conquistamos aos pouquinhos.
pois o que são momentos quando se estar sozinho?
se com você o tempo parece mais divertido
é nisso que eu acredito
eu e você e nosso mundinho.

Refletir

Imagem
Só espero encontrar em seus braços
Alívio para minhas lágrimas,
que seu abraço,
possa trazer o sorriso de volta em meus lábios.

posso estar enganado,
você pode até dizer que eu sou um sonhador.
mas espero que em meus delírios desvairados
Não me perca na minha dor.

às vezes me pego desfilando versos.
suspiros de amor,
as vezes penso que sou inventor,
inventando qualquer desculpa para ganhar seus beijos.

as vezes conto meus passos pelo quarto.
as vezes finjo ser outro alguém.
as vezes não dou razão aos meus sentimentos.
as vezes olho no espelho e não me reconheço
vejo sua imagem no reflexo.
vejo nós dois num mundo perfeito.
e o quebro, abrindo em mim um corte.
e assim espero.
o eterno descanso da morte.

Casa Moinho Comigo.

Imagem
nem tudo é como parece ser.
Tudo começou com um beijo.
Mas poderia ser um abraço.
uma lágrima, uma despedida em seus braços.

e eu andando por ai.
e você por ali.
finalmente juntamos nossos trapos.

o amor não é algum frágil?
quem o inventou não teve o cuidado,
e derrubou seu frasco.

Por que essas lágrimas?
Não vê que estou sempre ao seu lado.
momentos são como o vento.
e só o museu vive de passado.


a gente poderia construir uma casa.
com um jardim, uma rede.
um lugar para reunir os nossos amigos.
ouvir meus discos, ler seus livros.

encontrei a vida no seu sorriso.
e como Adão e Eva.
ficarei triste se eu sair desse paraíso.

a gente podia discutir nossa vida horas e horas.
ou aproveitar o calor do silêncio.
Sei que você não gosta da sua sogra.
mas vamos vivendo cada momento...