Antrofobia




Acho que devemos sentar e conversar
Trocar palavras
Palavras capazes de perdoar.

È fácil ignorar um sentimento qualquer
Você sempre sabe o que quer
Mas não quero te deixar dividida
Há sempre uma saída
De fugir dessa confusão
Sem machucar meu coração
Você arrastou-me para essa paixão
Com o seu jeito de garota crescida
Deixo-me sem ação

Ó, baby! My baby, escuta o que te digo
Não quero ser mais um inimigo
Não quero constar na sua lista
Sei que para você parece difícil
Mas estou disposto a fazer esse sacrifício
Não quero te impedir de amar
È Por essas e outras
Acho melhor terminar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Coisas Boas

Resenha : Os Crimes do Mosaico - Guilio Leoni