Sussuros Solitários




Não chore meu bebê,
Vou buscar a toalha para você se secar.
Que se dane o que os outros acham,
Ou o que vão achar.
Eu estou bem aqui,
Suas armas você pode guardar,
O amor tem um gosto doce,
As vezes nos impede de agir.

O mundo é muito grande,
As para conquista-lo basta sorrir,
Sei que eles parecem gigantes,
Mas não deixe eles te diminuir,
A vida é como roda gigante,
Toma aqui seu algodão-doce.

Eu aprendi com meus erros,
Levei tombos, ninguém se importa com meus acertos.
Preciso passar naquela prova.
Por favor, não deixe ele me levar embora.
Estou distante agora!
Estou morrendo de medo...
Do escuro, chorando
Atrás da porta...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Coisas Boas

Resenha : Os Crimes do Mosaico - Guilio Leoni