O choro dos Justos ...






Eu choro o choro dos justos
Sentado em cima do muro
Choro de quem não vê o futuro
De quem chora no escuro.

Choro de quem vê tudo
E acha o mundo muito injusto
De quem não suporta mais a solidão
Mas prefere a escuridão
Ao invés de mostrar seu rosto à população.

Lagrimas dos mil medos
De quem deseja ver o mundo perfeito
Mas toda noite,
Encontra-se em um novo pesadelo.

Eu choro o choro dos justos
Daqueles que não vêem o futuro
Que preferem viver mudos
Levando sua vida para o escuro

Lagrimas da desesperança
Da pura ignorância
Lagrimas do desespero
Ouvidas apenas pelo silêncio.

Eu choro o choro dos justos
Choro de quem não vê o futuro
De quem está inconformado com o mundo

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Coisas Boas

Porque te amo!